No país das maravilhas… e das ovelhas!

FullSizeRender(1)Há uma ovelha negra neste rebanho

Há duas ideias generalizadas sobre a Nova Zelândia: 1. As paisagens naturais inacreditáveis de montanhas, florestas, lagos, fiordes, praias e vulcões e 2. Ser um país onde há elfos, anões, hobbits e orcs – ah não, isso foi só quando filmaram cá O Senhor dos Anéis! – ser um país, escrevia eu, onde há mais ovelhas do que pessoas. Confirma-se tudo mas, para já, ficamos por este segundo ponto.

Ser filha de um oficial da marinha mercante deu-me desde pequena, entre outras coisas, uma colecção de postais de vários destinos do mundo. Primeiro era a minha mãe e os meus avós que os liam e, depois, a minha irmã e eu. Seguramente que há mais de vinte anos que não vejo nem sei do paradeiro desses postais mas havia um que sempre foi o meu favorito.

Tinha uma ovelha na foto e dizia qualquer coisa assim: “Olá Janinha e Sarita, como estão? Têm-se portado bem e ajudado a mamã?…Estou agora na Nova Zelândia. Sabiam que há mais ovelhas do que pessoas a viver neste país? Conseguem imaginar? É tudo tão bonito… Quem sabe um dia não digo à mamã para virmos todos morar para aqui…”.

Nunca fomos. Mas a Nova Zelândia esteve sempre no meu imaginário e é, entre todos os países onde gostaria de ir, o mais especial. Aquele para onde viajei várias vezes ao longo da vida em sonhos. A Mia não vai perceber mas quando, em breve, aterremos em Auckland vou dar-lhe a mão e apertar com mais força para me certificar que desta vez, sim, é mesmo de verdade.

Escrevi estes parágrafos nas vésperas de viajarmos para a Nova Zelândia e agora que já aqui estamos, confirma-se que este continua a ser o país das ovelhas…com um “mas”.

Segundo as estatísticas oficiais vivem nas ilhas da Nova Zelândia quatro milhões e meio de pessoas e trinta milhões de ovelhas, o que dá uma média de seis animais por pessoa. É bastante, especialmente se compararmos com os outros países, mas o número de ovinos tem vindo a diminuir. Em 1982, por exemplo, o país era habitado por cerca de 70 milhões de ovelhas (!) e 3 milhões e meio de pessoas, o que dava uma média de 22 ovelhas por pessoa.

A diminuição do preço da lã no mercado, os períodos de seca na década de 90 e outras actividades pecuárias mais lucrativas ditaram que, em 2015, se tenha registado o número mais baixo de sempre de moradores ovinos. Por este andar podemos estar a assistir ao fim de um mito. Ainda assim, em qualquer estrada do país (pelo menos na Ilha Sul onde temos andado) e em todas as lojas de souvenirs, continuam a ser elas as maiores estrelas.

IMG_6724

IMG_6729

Ver rebanhos de ovelhas, um bom passatempo nas viagens pelas estradas da Nova Zelândia

IMG_6730(2)

IMG_6711

canecas ovelhas

mais ovelhas

IMG_6714

IMG_6715

IMG_6717(1)

IMG_6718

IMG_6722

IMG_6710

Aparentemente, além da lã e da venda de merchandising para promoção do país, as ovelhas neozelandesas também têm outras funções peculiares como… combate ao crime. Parece que, num país com uma densidade populacional baixa, todos têm que fazer a sua parte e mais um pouco para o bem comum… Ovelhas incluídas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s