A gente vai continuar

run forest run

Lembram-se do Forest Gump? Da cena do Tom Hanks a levantar-se de uma cadeira de baloiço numa varanda típica americana e a correr até ao fim da rua, e depois até ao fim da cidade, e depois até ao fim do Alabama, e depois por outro e mais outro Estado, passando anos a correr desenfreadamente pelos Estados Unidos?
Eu entendo-o perfeitamente. Por vezes temos de continuar sem saber muito bem porquê, vemos uma curva e queremos saber o que vem a seguir e continuamos, aparece-nos uma recta e vamos em frente, surge-nos o oceano e a única hipótese para nós é atravessá-lo e seguir caminho. Entendo essa urgência e essa vontade, e a inexplicabilidade de ambas.
Muitos quilómetros de estrada, centímetros de barba e bombons de chocolate depois, ele – Forest Gump – decidiu, enfim, parar. O momento dessa decisão foi nesta estrada soberba do Monument Valley, entre o Arizona e o Utah.
Para nós ainda não chega, não foi em Monument Valley o fim da nossa estrada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s